EDIÇÃO - Ano VI

Revelando os Brasis VI leva cinema para mais de 10 mil espectadores de pequenas cidades de todo país

Entre os dias 22 de agosto e 11 de outubro, o Circuito Nacional de Exibição do Revelando os Brasis VI percorreu mais de 14 mil quilômetros para valorizar as múltiplas identidades nas sessões de  lançamento dos 15 curtas-metragens realizados nesta edição.  O caminhão-cinema percorreu 12 estados das cinco regiões para exibir ficções e documentários com direção, roteiro e produção de moradores de municípios com até 20 mil habitantes.

Durante 51 dias, a caravana passou por Vargem Alta e Laranja da Terra (ES), Urucuia e Barroso (MG), Lençóis e São José do Jacuípe (BA), Quebrangulo (AL), São Domingos do Cariri (PB), Icapuí (CE), Bom Jesus do Tocantins (PA), Arraias (TO), Nossa Senhora do Livramento (MT), Guarujá do Sul (SC), Antônio Prado (RS) e Águas de Lindóia (SP), lugares de origem das histórias filmadas e esteve ainda nos municípios de Linhares (Regência/ES) e São Mateus (Guriri/ES).  Ao todo as 20 sessões reuniram um público de 10.700 espectadores.

Crianças, jovens e adultos lotaram o cinema ao ar livre montado em ruas, praças, praias, quadras, campos de futebol.  O Revelando VI encontrou as raízes da herança negra, branca e indígena brasileira. Uma das sessões foi realizada na Aldeia Parkatejê, no Pará, e outras três aconteceram em comunidades quilombolas, transformando os lançamentos em celebrações de resgate da memória, costumes, tradições e da resistência.  A tela de cinema funcionou como espelho, onde os moradores foram ao mesmo tempo personagem e plateia.

A caravana inaugurou a etapa de difusão dos 15 filmes que agora circularão o país em mostras, festivais e ainda chegarão a outras pessoas através do Box de DVDs que será distribuído entre os realizadores, parceiros, pontos de cultura, cineclubes, cinematecas, escolas de cinema e instituições ligadas à cultura, memória e a preservação.

Fotos: Ratão Diniz

 
  1. facebook
  2. instagram
  3. youtube